Send your Call or Congress to fasticongressuum@gmail.com

CALL. 15.08.2015: I congreso internacional, las aves en la Historia Natural, en la Prehistoria y en


FECHA LÍMITE/DEADLINE/SCADENZA: 15/08/2015

FECHA CONGRESO/CONGRESS DATE/DATA CONGRESSO: 23-24-25-26-27/09/2015


LUGAR/LOCATION/LUOGO: Biblioteca Nacional de Portugal (Lisboa, Portugal)


ORGANIZADOR/ORGANIZER/ORGANIZZATORE:​ Andrzej Rozwadowski (Director do Central Asia and Siberia Department, Adam Mickiewicz University, Poland) : Antonio Sánchez Marco (Institut Català de Paleontologia Miquel Crusafont, Espanha) ; Christine Lefèvre (Muséum National d'Histoire Naturelle, Paris, France) ; Eduardo Corona-M. (Instituto Nacional de Antropología e Historia, Delegación Morelos, México) ; Elisabete Malafaia (Bolseira da Fundação para a Ciência e Tecnologia; Sociedade de História Natural, Torres Vedras; Faculdade de Ciências - Universidade de Lisboa) ; Esteban Álvarez-Fernández (Universidad de Salamanca) ; Fernando Coimbra (Centro Português de Geo-História e Pré-História, Lisboa; Instituto Terra e Memória, Mação; Centro de Geociências – Universidade de Coimbra; Núcleo de Investigação e Divulgação de Arqueologia e Paleontologia, Golegã) ; Francisco Ortega Coloma (Grupo de Biología Evolutiva do Departamento de Física Matemática y de Fluidos da Facultad de Ciencias – UNED, Madrid; Coordenador Científico de Paleontologia e Paleoecologia da Sociedade de História Natural, Torres Vedras) ; Herculano Alvarenga (Diretor do Museu de História Natural de Taubaté, Brasil) ; Ivana Fiore (Soprintendenza al Museo Nazionale Preistorico Etnografico "Luigi Pigorini", Sezione di Bioarcheologia, Rome, Italy) ; João Eduardo Rabaça (LabOr - Laboratório de Ornitologia; Departamento de Biologia - Universidade de Évora, Portugal) ; Jorge Sequeira (Museu Geológico do Laboratório Nacional de Energia e Geologia, Lisboa) ; Luís Araújo (Universidade de Lisboa, Faculdade de Letras, Lisboa) ; Luís Santos (Instituto Politécnico de Tomar; Instituto Terra e Memória, Mação; Centro de Geociências – Universidade de Coimbra) ; Mário Antas (Museu Nacional de Arqueologia, Lisboa; Centro Português de Geo-História e Pré-História, Lisboa; Núcleo de Investigação e Divulgação de Arqueologia e Paleontologia, Golegã) ; Mário Arthur Favretto (Universidade Federal do Paraná, Brasil) ; Mário Varela Gomes (Universidade Nova de Lisboa) ; Miguel Feio (Associação de Educação e Defesa do Património e Desenvolvimento Profissional, Seixal; Escola Frei Luís de Sousa, Almada; Centro Português de Geo-História e Pré-História, Lisboa) ; Michael Benton (School of Earth Sciences, University of Bristol, Bristol, UK) ; Monica Gala (Soprintendenza al Museo Nazionale Preistorico Etnografico "Luigi Pigorini", Sezione di Bioarcheologia, Rome, Italy) ; Pierluigi Rosina (Instituto Politécnico de Tomar; Centro de Geociências – Universidade de Coimbra; Instituto Terra e Memória, Mação; Centro de Interpretação do Alto Ribatejo, V. N. da Barquinha) ; Silvério Figueiredo (Centro Português de Geo-História e Pré-História, Lisboa; Instituto Politécnico de Tomar; Laboratório de Arqueozoologia e Paleontologia, Tomar; Centro de Geociências – Universidade de Coimbra; Núcleo de Investigação e Divulgação


INFO: web - cong_ahnph@sapo.pt


CALL:

Este congresso pretende reunir, com a finalidade de troca de conhecimentos, investigadores que têm trabalhado sobre a origem, evolução e utilização das aves pelo homem. Dirige-se sobretudo a paleontólogos, a pré-historiadores, a arqueólogos e historiadores.


Apesar de este ser um congresso de índole científica, está virado também para a participação de estudantes e, pela sua abrangência, está também aberto à participação de curiosos e interessados nesta temática que queiram aprofundar os seus conhecimentos.


As aves, com mais de 10 000 espécies vivas, são o grupo de vertebrados voadores mais bem-sucedido, superando qualquer outro grupo de vertebrados voadores, pela sua abundância e diversidade, quer no presente quer no passado. As aves são animais extraordinários, quer pela sua fisionomia, pela cor das suas penas, por voarem, mas também pela sua história evolutiva. De facto, as aves são na realidade dinossáurios, pois na moderna organização taxonómica, aves e dinossáurios partilham o mesmo ramo da evolução: o ramo dos Dinosauria.


As aves aparecem representadas nas artes de culturas e civilizações diversas, desde a Pré-História até aos dias de hoje: na arte rupestre, na cerâmica, na escultura, nos mosaicos e na pintura. Por outro lado, as penas das aves foram usadas também desde a Pré-História como adorno: recentes estudos demonstram que já os neandertais usavam penas de corvídeos para adornar o corpo. Tal como outros animais, também as aves aparecem associadas a mitologias diversas, surgindo até com características divinas no seio de alguns povos, como é o caso do Antigo Egipto, em que o íbis-branco era considerado encarnação do deus Thoth.


O congresso, organizado pelo Centro Português de Geo-História e Pré-História, decorrerá de 23 a 27 de setembro de 2015, em Lisboa, na Biblioteca Nacional de Portugal, e está dividido em sessões gerais, de carácter cronológico e evolutivo, e em sessões temáticas, mais específicas. Paralelamente existirá um programa de animação cultural, que será divulgado oportunamente.


As línguas oficiais do Congresso são o português, o castelhano e o inglês, sendo ainda aceites comunicações em francês e em italiano, desde que apresentem os textos numa das línguas oficiais.

categorías / tags / categorie

Fasti Congressuum is licensed under a Creative Commons Reconocimiento-NoComercial-CompartirIgual 4.0 Internacional License
© 2014 by Fasti Congressuum. Proudly created by M. Cristina de la Escosura